PARCELAMENTO EM ATÉ 12X SEM JUROS

MÚSICALP | VINILVINIL NACIONALVinil Cazuza - Ideologia (LP Vermelho)
Lançamento
Cazuza

Vinil Cazuza - Ideologia (LP Vermelho)

Referência: 26060244890502
Este produto não está disponível no momento
Quero saber quando estiver disponível

Descrição do produto

Vinil Cazuza - Ideologia (1988) LP Vermelho Terceiro álbum solo de Cazuza, ‘Ideologia’ foi o primeiro a ser lançado após o artista ser diagnosticado soropositivo. “O meu prazer agora é risco de vida”, constata o roqueiro na faixa-título, uma de suas grandes parcerias com Frejat. A inevitável proximidade com a finitude transformou a arte do eterno Exagerado. Suas composições tornaram-se mais veementes, cheias de som e fúria, de amor e desamparo. Cazuza passou a escrever mais sobre sua geração, e, deste modo, falou ainda mais sobre si mesmo. “Eu vi a cara da morte e ela estava viva”, anuncia o cantor e compositor na contundente ‘Boas novas’. Lançada nos primeiros anos pós-regime militar, a desesperançada ‘Brasil’ permanece atual e, quase quatro décadas depois, voltou a ser cantada a pleno pulmões em shows e manifestações pró-democracia. “Um trem para as estrelas”, parceria com Gilberto Gil para o filme homônimo, manteve o foco na questão social. “Nas filas dos pontos de ônibus, procurando aonde ir/ São todos seus cicerones, correm pra não desistir”. Outro petardo assinado com Frejat, ‘Blues da piedade’ aponta para os fracos de espírito, para os que se deixam levar por preconceitos, para os que não sabem amar. Diferentemente deles, Cazuza sabia, como mostram as românticas new bossas ‘Minha flor, meu bebê’, assinada com Dé Palmeira, e ‘Faz parte do meu show’, feita com Renato Ladeira pelo mais MPB dos nossos roqueiros. Com nova edição em vinil via Universal Music, é um pungente autorretrato do garoto que ia mudar o mundo. Repertório do LP: Lado A 1. Ideologia (Roberto Frejat/ Cazuza) 2. Boas novas (Cazuza) 3. O assassinato da flor (Cazuza) 4. A orelha de Eurídice (Cazuza) 5. Guerra Civil (Cazuza) 6. Brasil (Cazuza/ George Israel/ Nilo Romero) Lado B 1. Um trem para as estrelas (Cazuza/ Gilberto Gil) 2. Vida fácil (Roberto Frejat/ Cazuza) 3. Blues da piedade (Roberto Frejat/ Cazuza) 4. Obrigado (Por ter se mandado) (Zé Luiz/ Cazuza) 5. Minha flor, meu bebê (Dé/ Cazuza) 6. Faz parte do meu show (Renato Ladeira/ Cazuza)
Compartilhar

Conheça esse produto

Descrição do produto

Vinil Cazuza - Ideologia (1988) LP Vermelho Terceiro álbum solo de Cazuza, ‘Ideologia’ foi o primeiro a ser lançado após o artista ser diagnosticado soropositivo. “O meu prazer agora é risco de vida”, constata o roqueiro na faixa-título, uma de suas grandes parcerias com Frejat. A inevitável proximidade com a finitude transformou a arte do eterno Exagerado. Suas composições tornaram-se mais veementes, cheias de som e fúria, de amor e desamparo. Cazuza passou a escrever mais sobre sua geração, e, deste modo, falou ainda mais sobre si mesmo. “Eu vi a cara da morte e ela estava viva”, anuncia o cantor e compositor na contundente ‘Boas novas’. Lançada nos primeiros anos pós-regime militar, a desesperançada ‘Brasil’ permanece atual e, quase quatro décadas depois, voltou a ser cantada a pleno pulmões em shows e manifestações pró-democracia. “Um trem para as estrelas”, parceria com Gilberto Gil para o filme homônimo, manteve o foco na questão social. “Nas filas dos pontos de ônibus, procurando aonde ir/ São todos seus cicerones, correm pra não desistir”. Outro petardo assinado com Frejat, ‘Blues da piedade’ aponta para os fracos de espírito, para os que se deixam levar por preconceitos, para os que não sabem amar. Diferentemente deles, Cazuza sabia, como mostram as românticas new bossas ‘Minha flor, meu bebê’, assinada com Dé Palmeira, e ‘Faz parte do meu show’, feita com Renato Ladeira pelo mais MPB dos nossos roqueiros. Com nova edição em vinil via Universal Music, é um pungente autorretrato do garoto que ia mudar o mundo. Repertório do LP: Lado A 1. Ideologia (Roberto Frejat/ Cazuza) 2. Boas novas (Cazuza) 3. O assassinato da flor (Cazuza) 4. A orelha de Eurídice (Cazuza) 5. Guerra Civil (Cazuza) 6. Brasil (Cazuza/ George Israel/ Nilo Romero) Lado B 1. Um trem para as estrelas (Cazuza/ Gilberto Gil) 2. Vida fácil (Roberto Frejat/ Cazuza) 3. Blues da piedade (Roberto Frejat/ Cazuza) 4. Obrigado (Por ter se mandado) (Zé Luiz/ Cazuza) 5. Minha flor, meu bebê (Dé/ Cazuza) 6. Faz parte do meu show (Renato Ladeira/ Cazuza)
Características
Gênero
Rock Nacional
Características
Gênero
Rock Nacional